23 fevereiro 2018

Qualquer música. E um mundo de cores.

A música, ah!, a música, essa paixão que surge precoce na vida de todo ser humano. Paixão que se apodera de nossa alma, vinda através dos pavilhões que temos assentados, um em cada lado de nossos crânios. Música, um tema pictórico dos melhores e, por isso mesmo, dele usam e abusam artistas plásticos de todo esse imenso orbe. Essa pintura aí em cima foi feita em tela de dimensões 1,50m x 1,00m. Na execução do esboço usei lápis 02, daqueles mesmos que desenhistas usam para desenhar em papel. Já para a pintura em si, usei, como sói acontecer, uma antiga companheira e cúmplice, a sempre eficaz tinta acrílica, de secagem muito mais rápida que a tinta a óleo, além de não ser tóxica como essa última. Para mostrar que sou um cara versátil, um artista eclético, de múltiplos talentos, nela empreguei um toque de humor de caricaturista na construção das figuras, uma cantora e seus músicos em plena faina musical. Te cuida, Pablo Picasso!
( 27/01/16)