12 setembro 2016

Saudade de Clarice Lispector

"Eu vou sentir tanta saudade de mim quando morrer." Me digam como é possível uma criatura nascer na distante Ucrânia, em rara e delicada metamorforse tornar-se tão brasileira e em nossa/dela língua escrever coisas com tamanho profundidade, delicadeza e beleza. Fiquei fã da moça desde então e com lápis, nanquim, ecoline e um molho de photoshop fiz este retrato dela em meio à frase que me impressionou e que me fez amar a bela e misteriosa escritora brasileira.
(Publicado originalmente em 06/04/13)